Header Ads

Seo Services

A região de Campinas tem menor média de internações em 2 meses

 



Dados da Fundação Seade mostram média móvel de 179 hospitalizações por dia nas 42 cidades do Departamento Regional de Saúde da 7ª região (DRS-7), com sede na metrópole. Em 2020, ápice foi de 174.


A média móvel de novas internações por Covid-19 no Departamento Regional de Saúde da 7ª região (DRS-7), com sede em Campinas (SP), chegou a 179, menor índice desde o dia 9 de março (174), há mais de dois meses.


A queda no indicador, entretanto, não representa tranquilidade. A taxa de novas hospitalizações por dia ainda é superior ao pico da primeira onda da pandemia - 174, em julho de 2020.


Média móvel de internações no DRS-7


25/07/2020: 174 (pico da primeira onda)

06/11/2020: 46 (menor índice)

29/03/2021: 317 (recorde da pandemia)

13/05/2021: 179


Sede da regional, Campinas (SP) registra, por exemplo, 97,98% das UTIs Covid ocupadas no SUS Municipal nesta quinta. No entanto, o município está, pelo segundo dia seguido, sem pacientes na fila por leitos de terapia intensiva Covid.


Na avaliação da médica infectologista Rachel Stucchi, professora da Unicamp e membro da Sociedade Brasileira de Infectologia, os dados sugerem que a região siga em um platô alto ainda nos próximos dias, com risco de novo aumento de casos e internações.


Municípios no DRS-7


O DRS-7 abrange 42 municípios. São eles:


Águas de Lindóia, Americana, Amparo, Artur Nogueira, Atibaia, Bom Jesus dos Perdões, Bragança Paulista, Cabreúva, Campinas, Campo Limpo Paulista, Cosmópolis, Holambra, Indaiatuba, Itatiba, Itupeva, Jaguariúna, Jarinu, Joanópolis, Jundiaí, Lindóia, Louveira, Monte Alegre do Sul, Monte Mor, Morungaba, Nazaré Paulista, Nova Odessa, Paulínia, Pedra Bela, Pedreira, Pinhalzinho, Piracaia, Santa Bárbara d'Oeste, Santo Antônio de Posse, Serra Negra, Socorro, Sumaré, Tuiuti, Valinhos, Vargem, Várzea Paulista e Vinhedo.


Fonte: G1


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.