Header Ads

Seo Services

Técnica de enfermagem deixa hospital de Paulínia após 13 dias internada


Servidora pública da rede municipal chegou a ter seu pulmão comprometido em 80%, ficando três dias na Unidade de Terapia Intensiva


A Prefeitura de Paulínia celebrou nesta terça-feira (30) a alta da técnica em enfermagem Ana Paula de Oliveira Santos, de 41 anos, do Hospital Municipal “Vereador Antônio Orlando Navarro”. A servidora ficou 13 dias internada na cidade com a Covid-19, doença respiratória causada pela pandemia do novo coronavírus.

Segundo a Prefeitura, Ana Paula chegou a ter seu pulmão comprometido em 80%, ficando três dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e nesta tarde foi liberada da Unidade Respiratória do hospital municipal. “Amigos e companheiros de trabalho estiveram presentes neste momento emocionante”, descreveu o governo local.

A primeira dama Fernada Cazellato, fez questão de entregar um bouque de flores e comemorar junto com servidores, a alta da servidora curada, postou um video em suas redes sociais, em um texto muito emocioada com mais esta vitória contra a doença pandêmica.

“A Prefeitura de Paulínia agradece a todos os servidores da Saúde que trabalham dia e noite por amor ao próximo. Seguimos vigilantes e atuantes visando evitar a propagação do coronavírus. Essa é uma batalha que envolve paulinenses e Administração municipal. Somente juntos, podermos superar esse momento difícil”, destacou o governo municipal.

Nesta terça-feira (30), a Prefeitura adicionou 61 contaminados e 59 recuperados da Covid-19 ao seu boletim epidemiológico diário, totalizando 730 infetados e 435 curados desde o início da pandemia. 

Somente neste mês de junho, o total de moradores de Paulínia infectados com a Covid-19 subiu de 143 para 730 – alta de 410% entre os dias 1º e 30 de junho. O número de mortes saltou de 1 para 12 no mesmo período e de curados aumentou de 88 para 435 – crescimento de 394% em 30 dias.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.