Header Ads

Seo Services

Paulínia volta a permitir reabertura do comércio não essencial


As igrejas seguem fechadas, ainda estão proibidas.


Comércio não essencial de Paulínia pode reabrir a partir deste sábado, 25; estão proibidos: igrejas, templos, salões de beleza, barbearia e congêneres, por enquanto

O prefeito Du Cazellato (PL) seguiu o decreto estadual e voltou a flexibilizar as regras para a reabertura do comércio em Paulínia. Em novo decreto, publicado nesta sexta-feira (24), a liberação de várias atividades não essenciais. Ainda assim, mantém a Bandeira Laranja (risco médio) com medidas restritivas para tentar conter o avanço do coronavírus, que já fez 25 vítimas fatais na Cidade desde o dia 19 de março.

A partir deste sábado, 25, comércios não essenciais e o Paulínia Shopping poderão funcionar de segunda a sexta-feira das 12h às 16h e aos sábados das 10h às 14h, conforme o Decreto Municipal 7847/2020.

O Paulínia Shopping poderá funcionar de segunda a sábado das 16h às 20h. A praça de alimentação, os espaços de lazer e o cinema seguem sem autorização para abrirem.

Seguindo recomendação do Ministério Público igrejas, templos, salões de beleza, barbearia e congêneres, seguem proibidos de funcionarem.

Bares, padarias, restaurantes e outros estabelecimentos do gênero alimentício, poderão funcionar via Drive Thru ou com o cliente retirando no local, não podendo haver consumo no local.

O Decreto Municipal está publicado na edição extra 7518 do Semanário Oficial de 24 de julho.

Fonte: NP

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.