Header Ads

Seo Services

Torcidas de São Paulo e Corinthians entram em confronto em Limeira, SP

Confusão aconteceu na saída do Estádio Major Levy Sobrinho após o jogo.
Polícia Militar precisou interferir com bombas de gás; briga durou 15 min.
As torcidas de Corinthians e São Paulo entraram em confronto com a polícia após o duelo válido pelas semifinais da Copa São Paulo de futebol Júnior, no Estádio Major Levy Sobrinho, em Limeira (SP), na noite desta quinta-feira (22) - o Timão venceu por 3 a 0. Segundo o secretário municipal de Segurança Pública, Maurício Miranda de Queiroz, não houve feridos ou detidos.
A confusão se deu na saída das duas torcidas. Havia a previsão de que a Polícia Militar mantivesse os são-paulinos no estádio, até que todos os corintianos saíssem. Não foi o que aconteceu. Logo após o apito final, as duas torcidas saíram correndo, como se a briga já estivesse marcada previamente. Cada uma saiu por um portão, e ambas subiram para a rua que fica em cima do estádio, buscando o enfrentamento.
Policiais militares que se posicionavam nesse vão conseguiram evitar a briga, disparando bombas de gás. E foi aí que se deu o tumulto, que durou cerca de 15 minutos. Com a situação controlada, os torcedores embarcaram em seus ônibus e seguiram viagem de volta para São Paulo - Limeira fica a 150km da capital.
O secretário municipal de Segurança Pública, Maurício Miranda de Queiroz, comentou a confusão. "As duas torcidas estavam devidamente separadas por um cordão de isolamento, tanto dentro quanto fora do estádio. A confusão foi entre torcida do São Paulo e a Polícia Militar. Acredito que até pelo resultado, os ânimos da torcida estavam um pouco exaltados, mas a Polícia Militar conseguiu manter a ordem", disse.

Fonte G1

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.