Header Ads

Seo Services

TSE rejeita recurso e mantém decisão que cassa De Nadai em Americana

Tucano foi cassado por irregularidades na prestação de contas da campanha.
Presidente da Câmara deve assumir Prefeitura até nova eleição ser realizada.
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou por unanimidade o recurso do prefeito de Americana (SP), Diego De Nadai (PSDB), e, com isso, a medida cautelar que o manteve no cargo deixa de ter validade. Segundo a assessoria de imprensa da corte de Brasília, a decisão deve ser publicada na segunda-feira (20). Posteriormente, quem definirá se o chefe do Executivo terá de deixar o cargo imediatamente é o juiz eleitoral da cidade, Fábio Luís Bossler. A decisão estende-se ao vice, Seme Calil (PSB), já que ambos foram condenados por irregularidades na prestação de contas da campanha.
De acordo com informações da 158ª Zona Eleitoral de Americana, o presidente da Câmara de Vereadores, Paulo Chocolate (PSC), deve assumir o cargo. Contudo, em tese, como De Nadai teve mais de 50% dos votos nas eleições de 2012, um novo pleito terá de ser realizado na cidade. O parlamentar já chegou a assumir a cadeira máxima da Prefeitura este ano, mas uma decisão do ministro do TSE Gilmar Mendes recolocou o tucano no cargo ao menos até o julgamento de um pedido de embargos de declaração, rejeitado na noite desta terça-feira (15).
Motivo da cassação
Diego De Nadai e o vice foram cassados pela instância máxima da Justiça Eleitoral, em 29 de maio, quando o TSE manteve a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP) de impugnar a chapa deles por irregularidades na prestação de contas da campanha.
O relator do processo em 2ª instância, o juiz Paulo Galízia, concluiu que os candidatos mandaram confeccionar 75 mil exemplares da revista de campanha e declararam na prestação de contas um valor abaixo do real. Segundo informou o relator, havia várias "incongruências" nos valores apresentados.
O advogado de De Nadai no caso, Anderson Pomini, disse à EPTV que recorrerá ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Fonte G1

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.