Header Ads

Seo Services

Cássio alerta sobre dificuldades fora de casa na Libertadores


Goleiro demonstra preocupação para a partida contra o Millonarios, nesta quarta. Timão ainda não venceu como visitante nesta edição do torneio
O Corinthians ainda não venceu fora de casa nesta edição da Taça Libertadores da América. Na estreia, contra o San José, da Bolívia, deixou a altitude de 3.800m de Oruro com um empate. Depois, no gramado sintético de Tijuana, encontrou sérias dificuldades e foi derrotado por 1 a 0. A última oportunidade na primeira fase será nesta quarta-feira, contra o Millonarios, no estádio El Campín, em Bogotá, às 22h (horário de Brasília). Experiente após o título continental do ano passado, o dono da meta corintiana destacou a dificuldade em atuar como visitante na Libertadores. Ao contrário das duas primeiras partidas, quando reclamou bastante das dificuldades impostas pela altitude e pela grama, o Corinthians poderá atuar em condições “normais” na Colômbia. Mas com a pressão imposta pelos torcedores locais, evidentemente. – Conseguimos subir na tabela. Todos os jogos fora de casa são muito difíceis, mas vamos trabalhar com o objetivo de ganhar. Precisamos pensar sempre na vitória, porque o objetivo maior é a classificação – opinou o goleiro Cássio.
– A torcida deles (Millonarios) apoia bastante. Jogar lá na Colômbia é bem complicado também. Em geral, a Libertadores é muito difícil fora de casa.
No ano passado, Cássio estreou na vitória por 1 a 0 sobre o XV de Piracicaba, pelo Campeonato Paulista, mas se consagrou com a torcida do Corinthians em sua primeira partida pela Libertadores. Contra o Emelec, no Equador, o goleiro foi um dos principais responsáveis por segurar o empate sem gols – o adversário alvinegro era conhecido pela força nas bolas aéreas. No jogo de volta, o Timão conquistou a classificação com uma vitória por 3 a 0.
Campeão invicto em 2012, o Corinthians venceu duas das sete partidas que disputou fora de casa naquela edição do torneio continental. Levou a melhor sobre o Nacional, do Paraguai (pela primeira fase) e sobre o Santos (semifinal), empatando com Deportivo Táchira, Cruz Azul, Emelec, Vasco da Gama e Boca Juniors.

Fonte : GloboEsporte

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.