Header Ads

Seo Services

Líder da Stock, Serra não teme Cacá: 'Juntos, elevamos o nível da equipe'


'Homem de gelo' da Stock Car, piloto do carro 29 acredita que parceria com o pentacampeão da categoria na RBR Mattheis é benéfica para ambos
Foto Reprodução : Sportv
Aos 29 anos (coincidentemente, o mesmo número que estampa em seu carro na Stock Car), Daniel Serra se diz mais maduro para tentar conquistar o título da categoria. Para isso, o competidor da RBR Mattheis – conhecido como "Homem de Gelo" por seu estilo calado, tal qual o finlandês Kimi Raikkonen – tem que vencer outros 33 adversários. A começar pelo próprio companheiro de equipe, Cacá Bueno, pentacampeão da categoria. Após duas etapas, o paulista lidera o campeonato com um ponto de vantagem sobre o carioca (41 x 40). Um desafio que ele não teme, e que acaba servindo como motivação.
- A gente é adversário e se ajuda ao mesmo tempo. Isso é bom pra mim, pois eu sou mais novo, então acabo assimilando alguma coisa da experiência que ele tem, de muito tempo em carros de turismo. É válido: eu puxo ele, ele me puxa, e isso tem elevado o nível da equipe, tem funcionado nos últimos anos – disse Daniel, em entrevista ao Arena.
Filho do tricampeão Chico Serra, que faturou os títulos da Stock Car em 1999, 2000 e 2001, Daniel também não liga para eventuais comparações com o pai. Na atual temporada, o piloto da equipe RBR Mattheis está mais preocupado em administrar a liderança do campeonato,conquistada após um desempenho respeitável em Curitiba, a segunda etapa da temporada 2013. Por sinal, um começo de campeonato que lembra bastante o do ano anterior, quando ele também chegou ao topo da tabela logo nas primeiras provas. - Em 2012 eu ganhei a quarta etapa, em Ribeirão Preto, e virei líder do campeonato. Agora venci a segunda etapa e já estou na liderança. Mas acho que é muito cedo para falar de liderança, porque a Stock é um campeonato muito apertado: eu estou com 41, o segundo tem 40 e o terceiro, 38. Desde que eu comecei a correr de turismo, em 2006, fiz algumas corridas lá fora, corri na Argentina, e é impressionante o quanto aqui é competitivo. Você tem que andar no limite, sem errar, o tempo inteiro. Mas é muito prazeroso – frisou o piloto, que chegou à quarta vitória na categoria.
De fato, o equilíbrio é uma marca incontestável da Stock. No treino que definiu as posições do grid em Curitiba, apenas 21 milésimos de segundo distanciavam o tempo obtido pelo pole position Ricardo Maurício em relação ao terceiro no grid, Allam Khodair. Mas, apesar do declarado prazer em competir na maior categoria do automobilismo nacional, Daniel admite que tem planos para o futuro.
- Eu tenho outros objetivos, mas o meu primeiro é ser campeão da Stock Car. Uma, duas, não sei quantas vezes. Mas, depois disso, eu tenho muita vontade de correr no Campeonato Alemão de Turismo, o DTM. Está muito longe neste momento, mas se a gente fizer um trabalho bem feito, com o apoio do meu patrocinador, que tem uma equipe lá fora, pode ser. Se a chance aparecer, vou agarrar com unhas e dentes – declara Daniel Serra.
A próxima etapa da temporada 2013 da Stock Car será no dia 28 de abril no circuito gaúcho de Tarumã, que tem um asfalto extremamente abrasivo. O que pode, mais uma vez, obrigar as equipes a traçar novas estratégias, já que as trocas de pneus devem ser necessárias.

Fonte : Sportv

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.