Header Ads

Suspeito de roubar Camaro amarelo em Sorocaba é preso em Indaiatuba


Jovem de 28 anos foi rendido durante madrugada escondido em um sítio.
Ele e comparsas invadiram condomínio de alto padrão para roubar o carro.

Câmera de segurança flagrou suspeito que está
foragido com carro (Foto: Reprodução/TV Tem)
Um dos suspeitos de ter participado do roubo de um Camaro amarelo, em Sorocaba (SP), no dia 22 de novembro, foi preso nesta terça-feira (19), em Indaiatuba (SP). O jovem de 28 anos foi rendido em uma chácara da família dele, no Parque Bandeiras, e foi reconhecido pelas vítimas como a pessoa que invadiu a casa e tentou se passar por segurança para levar o carro. Pelo menos mais um suspeito, provavelmente morador de Indaiatuba, continua foragido.
Um dos familiares da vítima, que participou do reconhecimento, conta que o jovem foi preso durante a madrugada por policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Sorocaba. Eles trabalhavam no caso desde o início e conseguiram mandados de busca e apreensão e de prisão contra os suspeitos. Segundo o industrial Luis José Martim, a família reconheceu sem sombra de dúvidas o suspeito, que também havia sido flagrado pelas câmeras de segurança no roubo.
O preso seria morador da cidade da região de Campinas, mas teria uma loja de carros na cidade onde o veículo foi roubado. Ele foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Sorocaba. As vítimas relataram que durante o roubo, ele mencionou que só queria o Camara amarelo porque era uma encomenda de alguém feita a ele.
O carro foi recuperado em um sitio de Indaiatuba e foi devolvido à família no dia 28 de novembro. A polícia deve revelar nesta quarta-feira mais informações das investigações e futuras diligências para prender os outros suspeitos.
Caso
Os ladrões renderam a família e fugiram com o veículo, avaliado em cerca de R$ 200 mil reais. Além do carro, os criminosos levaram uma quantia em dinheiro e objetos pessoais. As câmeras de segurança do condomínio registraram a ação e contribuíram para que o caso fosse solucionado.

Fonte G1

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.