Header Ads

Seo Services

Rua Sete de Setembro inspira calçadão em Sumaré


Presidente da Acias vê com bons olhos a possibilidade, pensada na prefeitura; proposta atrairia mais consumidores ao Centro


Um dos planos da Prefeitura de Sumaré para alavancar o comércio é investir em mudanças viárias na região central. Uma das possibilidades estudadas é transformar parte da Rua Sete de Setembro em um calçadão para aumentar o fluxo de consumidores em uma das principais vias comerciais da cidade.

A informação é confirmada pelo prefeito Luiz Dalben (Cidadania). “Não está no Plano Diretor, mas vamos propor. Estudamos fazer um calçadão, de repente com passagem de veículos, pensar junto com eles [comerciantes] uma maneira de melhorar o fluxo de pessoas ali naquela avenida”, afirma.A ideia é avaliada de maneira positiva pelo presidente da Acias (Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Sumaré), Juarez Pereira da Silva. Ele conta que há mais de uma década a associação discute essa alternativa e tem até um plano de como a mudança poderia ser executada.

“A Sete de Setembro é um centro nervoso de Sumaré, tudo nasceu basicamente daquele centro. Hoje ele tem algumas situações que, se houver um projeto de calçadão ou boulevard, a Acias é favorável”, declara.O projeto defendido pela Acias é que, em vez de “fechar a rua”, a calçada da Sete de Setembro seja alargada, estreitando o asfalto e investindo na revitalização do espaço, com áreas verdes e estruturas para passeio.

“Por ter um ambiente revitalizado, você vai com a família e dá para passear. Pode ficar no banco, com uma revitalização verde, um ambiente completamente diferente e com a segurança de não ter aquele fluxo intenso de veículos”, explica.Juarez estima que as mais de 200 lojas instaladas na via se beneficiariam pela eventual mudança, atraindo um maior número de consumidores ao local. A ideia de um boulevard, no entanto, não chegou a ser discutida entre a Acias e a Prefeitura de Sumaré – a ideia ainda é embrionária.

“É um projeto que tem que ser muito bem pensado, sempre tem controvérsias, mas tem que ser bem trabalhado. A prefeitura, associação, os comerciantes, sobre várias óticas”, finaliza.

Fonte: O Liberal

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.