Header Ads

Seo Services

Robert Paiva entra com pedido de estrutura de vereador

Suplente pede estruturas para os trabalhos que poderão custar até R$ 120 mil aos cofres públicos

O suplente de vereador, Robert Paiva(PTB), protocolou na Câmara um pedido para contratar três assessores e ter direito a um gabinete. Robert faz parte de CP ( Comissão Processante) que apura supostos desvios de recursos públicos em contrato de lixo e merenda, e suposta compra de votos praticado pelo executivo com 13 vereadores.
A Câmara negou os pedidos de Robert e relatou que ele é suplente e não vereador, por isso, não tem os mesmos direitos que um parlamentar eleito.
Foi apurado que caso o pedido fosse atendido iriam custar aos cofres públicos o valor aproximado de R$ 120 mil durante os três meses que pode durar a CP, e que automaticamente o outro suplente que faz parte da CP, sargento Camargo(PDT), teria os mesmos direitos.

A Resposta 

Na resposta da Câmara a Robert Paiva é relatado que continua como suplente do parlamentar Marquinhos Forella(PSB). " O vereador titular continua no curso da legislatura, de tal forma, que no caso, ao Senhor Robert Jacynto de Paiva, não é garantido quaisquer direitos previstos no Regimento Interno da Câmara Municipal de Paulínia ( e em atos normativos internos), tampouco, gabinetes, sala, assessoria e todas as demais cabíveis ao cargo de Vereador", consta em um trecho do documento.

A Câmara disponibilizou uma sala para a realização dos trabalhos da investigação.

Nossa Redação tentou entrar em contato com Robert Paiva mas não fomos atendidos.

Fonte AP

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.