Header Ads

Seo Services

Dilma vence em apenas duas cidades da RMC

Reprodução : CP
Hortolândia, reduto petista entre os municípios do bloco, e Monte Mor foram as cidades com maior votação
A presidente reeleita Dilma Rousseff (PT) foi a mais votada em apenas duas das 20 cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC). Em Hortolândia, reduto petista entre os municípios do bloco, a presidente obteve 58,7 mil votos (56,69%). Ela também foi a mais lembrada em Monte Mor, onde foi votada por 13,9 mil (50,73%).

No primeiro turno, a presidente reeleita havia se saído melhor em cinco cidades da RMC: além de Hortolândia e Monte Mor, teve mais votos em Cosmópolis, Engenheiro Coelho e Sumaré. Nessas últimas três, Dilma foi ultrapassada por Aécio Neves (PSDB) no segundo turno.

A maior diferença entre os dois candidatos foi registrada em Itatiba: 80,54% dos votos válidos foram para o candidato Aécio Neves, contra 19,46% para Dilma.

Em Sumaré, onde a presidente venceu no primeiro turno com 35,43% dos votos (43,9 mil), Dilma acabou superada por Aécio, que havia recebido 38,5 mil votos no dia 5 de outubro (31,1%), mas saltou para 64,5 mil (50,35%), neste domingo (26). A petista foi votada por 63,6 mil eleitores (49,65%).

Na cidade de Itatiba, o tucano se destacou. Ele foi de 56,06% (30,8 mil votos) do primeiro turno para 80,54% (46,13%) no segundo turno. Dilma foi de 13,80% (7,5 mil votos) para 19,46% (11,1 mil).

Nas 20 cidades, Aécio foi votado por 61,77% dos eleitores e obteve quase 1 milhão de votos. Ao todo foram 981.626, contra 607.671 de Dilma (38,23%).

No primeiro turno, Aécio havia recebido 41,4% dos votos (628.684) e Dilma teve 26,6% (408.940)

Tantas

Tanto PT quanto PSDB tinham metas na RMC que acabaram não sendo atingidas. O PT estimava ganhar 250 mil votos e receber apoio de 43% dos eleitores do bloco de cidades, mas abocanhou 198,7 mil a mais.

Já o PSDB esperava receber 440 mil votos novos em relação ao primeiro turno e chegar a 70% da votação. No final, obteve mais 352,9 mil votos.

O número de eleitores que não compareceram às urnas na RMC ficou na média nacional: cerca de 21% se abstiveram. Entre as 20 cidades, Engenheiro Coelho foi a que registrou maior número de faltosos: no município, o eleitorado é de 12.477, desses, 3.063 não votaram, o que corresponde a 24,55% de abstenção. No dia 5 de outubro, 22,69% não votaram.

Na outra ponta, Vinhedo foi o município da RMC que teve o menor índice de ausência. Dos 50.792 eleitores aptos a votar na cidade, 6.766, ou seja, 13,32% não votaram. No primeiro turno, o índice foi de12,95%.

A soma de votos brancos e nulos também foi a terceira menor registrada: 2.316 eleitores, ou seja, 5,26% anularam o voto ou votaram em branco.

Santo Antonio de Posse foi a que registrou o segundo menor índice de votos brancos ou nulos: foram 480 votos (3,81%) dos 12.612 registrados nas urnas.

Em Holambra, apenas 3,33% dos eleitores votaram branco ou nulo. Dos 8.488 votos contabilizados, apenas 283 não foram nenhum dos candidatos.

Apuração

A primeira cidade da RMC a ter 100% das urnas apuradas foi Cosmópolis. Uma hora depois do fim da votação, às 18h, os votos nas 116 urnas eletrônicas do município já haviam sido contabilizados. Dos 31.897 votos válidos no município, 56,91% foram para Aécio e 43,09% para Dilma. No primeiro turno Dilma foi a vitoriosa na cidade, com 31,97%m contra 30,04% do tucano.

Fonte : CP

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.