Header Ads

Seo Services

Temporal causa transtornos em Campinas e Paulínia

Foto Reprodução : Portal Paulínia
Um forte temporal que atingiu as cidades de Campinas e Paulínia entre o fim da tarde e o início da noite desta terça-feira, 14, causou transtornos.

Em Campinas, o temporal derrubou ao menos 15 árvores e vários bairros ficaram sem energia. A Polícia Militar informou que ninguém ficou ferido e que o trânsito não sofreu alterações. Os bairros mais atingidos foram o centro, Sousas e o distrito de Barão Geraldo.

De acordo com informações do Centro de Pesquisa Meteorológicas e Climáticas Aplicadas a Agricultura (Cepagri), o vento na região de Campinas atingiu os 86,9 km/h.

O índice de chuva máximo registrado nesta terça-feira em Campinas foi de 53,9 milímetros, considerado o dia com maior volume pluviométrico do ano.

Em Paulínia também houve registros de queda de galhos e árvores, e falta de energia na cidade que deixou mais 46 mil domicílios sem luz. Um motociclista morreu na após bater em um árvore caída no bairro Betel.

Falta de energia

Segundo a CPFL, durante o temporal, 38.340 clientes ficaram sem o serviço em Campinas. Em Paulínia, o número de afetados pela falta de energia elétrica chegou a 46.447 clientes. Nesta manhã, 5.125 ainda não tinham a energia reestabelecida. De acordo com a empresa, no pico de ventos e chuva, 17.042 clientes ficaram sem energia em Sumaré. Após o temporal, o número era de 2.100.

A previsão da retomada do serviço é até o fim desta quarta-feira, segundo a CPFL.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.