Header Ads

Seo Services

Prefeitura de Campinas volta atrás na lei dos guinchos

VÍTIMAS DE ROUBO E FURTO TERIAM
DE PAGAR PELO SERVIÇO REALIZADO PELA EMDEC

A Prefeitura de Campinas revogou a cobrança de guincho de veículos recolhidos ao pátio da Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), por motivo de furto ou roubo. A lei entraria em vigor em 1º de novembro.

Atualmente. a vítima de violência acaba isenta deste pagamento após elaboração de boletim de ocorrência.

Em nota, o prefeito de Campinas, 
Jonas Donizette, disse que “não é justo que a pessoa que teve o carro roubado seja penalizada duas vezes.” O prefeito afirmou ainda que vai buscar uma solução para a superlotação do pátio da Emdec junto ao governo do Estado.

Campinas conta apenas com o pátio municipal, que é gerido pela Emdec e, em tese, deveria abrigar apenas veículos apreendidos por irregularidades administrativas - multas de trânsito, por exemplo. Apesar de ter capacidade para 2,3 mil carros, atualmente mais de 8 mil estão recolhidos no espaço

A 
Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou, nesta terça-feira (29), que rejeitou um projeto elaborado pela Prefeitura de Campinas para a criação de um pátio estadual na cidade. Segundo a assessoria da pasta, o plano continha falhas jurídicas e, portanto, foi devolvido à Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas.


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.