Header Ads

Seo Services

Ex-diretor da Prefeitura de Campinas depõe no caso Sanasa nesta quinta

 (Foto: Reprodução / EPTV)

Ricardo Cândia é esperado para falar sobre suposto depósito de R$ 567 mil.
Investigação sobre desvios em contratos públcios tem 22 réus.


O ex-diretor de controle urbano da Prefeitura de Campinas (SP) Ricardo Cândia vai depor nesta quarta-feira (2), às 15h15, no julgamento do Caso Sanasa, um dos maiores escândalos políticas da cidade. O depoente é suspeito de participar de um esquema milionário dedesvio de dinheiro.

Na audiência de abril deste ano, Cândia ficou em silêncio. Na época, o Ministério Público pedia explicações sobre um documento que aponta um suposto depósito de  de R$ 567 mil de um cliente deles para o irmão da ex-primeira dama Rosely Nassim Santos. 
Ela é apontada pela Promotoria como a principal responsável por um esquema de fraudes em contratos da Sanasa, empresa responsável pela distribuição de água na cidade.
Cândia é um dos 22 réus do caso de fraudes em contratos públicos da Prefeitura.  Cândia e Rosely negam as acusações.
Relembre o caso
O suposto esquema veio à tona em maio de 2011, quando 11 pessoas, entre elas secretários municipais e ex-diretores da Sanasa, chegaram a ser presas preventivamente durante uma operação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime (Gaeco).
A suspeita de corrupção em contratos da autarquia motivou a abertura de duas comissões processantes na Câmara de Vereadores, em 2011. O então prefeito Hélio de Oliveira Santos foi cassado em agosto, enquanto que o vice, Demétrio Vilagra (PT), deixou o Executivo após sofrer impeachment em dezembro.

Fonte :g1

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.